Texto -A +A

O que é litosfera?

O que é Geografia?

A litosfera corresponde à camada sólida da Terra e compõe a porção mais distante do centro do planeta.
Publicidade

A litosfera, que é camada superior e rígida da Terra, apresenta temperaturas inferiores em relação às demais porções do planeta e certa mobilidade em sua estrutura dinâmica. Ela costuma estar associada à crosta terrestre por também ser uma fina camada que compõe a estrutura superficial da Terra.

A camada da litosfera encontra-se acima da astenosfera, uma camada que apresenta as rochas em um estado mais pastoso, em função das elevadas temperaturas presentes no interior do planeta. A zona de encontro entre a litosfera e a astenosfera apresenta uma isoterma, ou seja, uma temperatura constante, que é de aproximadamente 1.200ºC. Assim, tudo o que está acima desse ponto de contato possui temperaturas suficientes para fazer com que as rochas permaneçam rígidas.

A estrutura dessa camada encontra-se na confluência entre rochas e minerais. Na verdade, os minerais, em aglomeração, compõem as rochas que, juntas, compõem a litosfera. Entre os minerais, os predominantes são o silício, alumínio e magnésio, havendo também uma centena de outros tipos menos presentes, muitos deles valiosos para as atividades humanas.

Já entre as rochas, há três tipos principais, com base em uma classificação elaborada a partir de suas respectivas formações. Essas rochas são chamadas de ígneas (ou magmáticas), metamórficas e sedimentares.

É importante salientar que a litosfera, em virtude das pressões e dinâmicas advindas do interior do planeta, não é contínua, isto é, apresenta rupturas ou descontinuidades, segmentando a sua estrutura em diferentes placas tectônicas. O movimento destas propicia a formação do relevo a partir de ações conhecidas como agentes endógenos ou internos de transformação do relevo, tais como os terremotos e o vulcanismo.

Além disso, a litosfera também se transforma a partir dos elementos disponíveis na superfície, que são chamados de agentes exógenos ou externos de transformação do relevo, tais como o vento, a água e os seres vivos. Estes moldam e desgastam as camadas superficiais da litosfera, formando os solos e atuando em processos erosivos. Com o passar dos milhares de anos, montanhas transformam-se em planaltos, e os sedimentos (partículas de rochas e solos) formados são depositados em outros locais, formando as bacias sedimentares.

Podemos dizer que a litosfera é, sobretudo, um sistema dinâmico, pois encontra-se sempre em transformação, com a formação de novas formas de relevo e o desgaste destas, além da constante transformação dos tipos sólidos, com a constituição do ciclo das rochas.

Qual é a diferença entre litosfera e crosta terrestre?

Basicamente, a litosfera envolve a crosta e a camada mais superficial e resfriada do manto, aquela que já apresenta certa solidez e origina as primeiras rochas ígneas plutônicas. Mas a principal diferença entre litosfera e crosta terrestre é a forma com que a estrutura interna do nosso planeta é classificada.

A crosta terrestre faz parte de uma conceituação que divide a Terra em crosta, manto e núcleo, além das descontinuidades presentes entre uma camada e outra. Já a litosfera faz parte da divisão que categoriza o planeta em litosfera (crosta), astenosfera (manto superior), mesosfera (manto inferior e núcleo externo) e endosfera (núcleo interno).


Por Me. Rodolfo Alves Pena

Publicidade

Erros Comuns na Regra de Três

Fuvest 2018

Fuvest

Danos Morais

Curiosidades

Você Sabia?