Texto -A +A

Ioga

Educação Física

A ioga, que teve origem na Índia, é uma forte disciplina imposta sobre o corpo e a mente do homem. Há diferentes tipos de ioga, cada uma com uma ênfase.
Publicidade

Embora muitas pessoas escrevam o termo yoga iniciando com a letra “y”, esta palavra já está incorporada ao dicionário Aurélio desde a década de 60, de modo que, no Brasil, ela é iniciada com a letra “i”. Esta foi apenas uma ressalva, pois importa muito menos como o termo é grafado e muito mais o que ele significa. O termo ioga significa unir, juntar, atrelar, a partir do sânscrito. No entanto, enquanto prática, esse termo significa muito mais do que isso: trata-se de uma forte disciplina imposta sobre o corpo e a mente do homem, cuja origem se deu na Índia, e com fortes vínculos com a prática da meditação tanto budista quanto hinduísta.

Há diferentes tipos de ioga, porém citarei apenas as mais comuns: hata-ioga, bacti-ioga, jnana-ioga, raja-ioga e carma-ioga. Cada uma delas apresenta ênfase em algum aspecto específico, como se pode ver:

  • Hata-ioga: Pretende a transcendência da consciência a partir do fortalecimento do corpo. Esse corpo, assim, estaria forte o suficiente para conseguir atingir a elevação espiritual;
  • Bacti-ioga: Esse tipo de ioga tem como objetivo maior a conexão com o divino por meio da devoção do praticante;
  • Jnana-ioga: Parte do pressuposto que existe um conhecimento imutável e, portanto, anterior ao homem. Por isso, a prática da Jnana-ioga requer muito estudo e dedicação;
  • Raja-ioga: Apropriada para pessoas muito racionais, pois a sua prática pretende o domínio das atividades mentais;
  • Carma-ioga: parte da noção de que todas as ações feitas pelo ser humano devem ser desinteressadas, de modo a entregar todos os benefícios conquistados à divindade.

Atualmente, o nosso estilo de vida moderno tem ocasionado muitos problemas físicos e psicológicos não apenas nos adultos, como também em crianças. E é nesse sentido que a prática da ioga se faz importante: ao procurar um equilíbrio entre o corpo, a mente e a parte espiritual, a ioga se torna praticamente uma saída para a boa saúde e o bom estilo de vida. Além disso, a ideia que perpassa todas as práticas iogues de que você é responsável pelos seus atos, e que, portanto, a sua felicidade só depende de você, incentiva a autonomia para o praticante.

Outros benefícios dessa prática são: aumento da concentração nas atividades; maior equilíbrio emocional; aumento da força muscular e da flexibilidade; melhora do sistema imunológico; redução do estresse e da ansiedade.

Por Paula Rondinelli
Colaboradora Brasil Escola
Graduada em Educação Física pela Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho” – UNESP
Mestre em Ciências da Motricidade pela Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho” – UNESP
Doutoranda em Integração da América Latina pela Universidade de São Paulo - USP

Educação Física - Brasil Escola

Publicidade

Erros Comuns na Regra de Três

Fuvest 2018

Fuvest

Danos Morais

Curiosidades

Você Sabia?